Image Map

02 setembro 2011



As terríveis Estrias ...

Por AleCarnevalli
O post de hoje será bem diferente, teremos a participação de uma leitora do blog, a Rosane, que por e-mail tem me sugerido temas voltados para gestantes e bebês, uma das sugestões da Rosane é falar sobre as terríveis estrias, um problema muito comum na gestação, mas que ocorre também em outras fases da vida da mulher, como na puberdade quando a garota se encorpa muito rápido, o engorda-emagrece constante, hereditariedade e tantas outras causas ... 
A Rosane vai iniciar o post dividindo sua experiência na gravidez e a Tah concluirá de maneira mais técnica em como preveni-las e tratá-las...

Por Rosane 
Acho que umas das questões de beleza que atormentam as grávidas é o surgimento das estrias. Elas aparecem principalmente na região abdominal e nas mamas.
...

As estrias podem surgir quando há um grande ou rápido estiramento da pele que pode ocorrer pelo aumento excessivo de peso ou fatores genéticos. Ou seja, se sua mãe ou avó tiveram estrias na gravidez, o mesmo pode acontecer com você.

A boa notícia é que existem formas de previní-las. Evite ganhar muito peso durante a gravidez, o recomendado é em torno de 12 quilos, tenha uma alimentação saudável. Hidrate muito bem sua pele pelo menos 2 vezes por dia. Use sutiãs reforçados, eles ajudarão a sustentar o peso da mama evitando o estiramento.

Confesso que tive sorte e a genética me ajudou. Engordei quase 20 quilos na gestação, mas não tive estrias. Muitas mulheres passam óleo de amêndoas na barriga, como não gosto de ficar com a pele besuntada de óleo, optei por um creme próprio para uso de gestantes. Existem vários produtos no mercado que ajudam na prevenção das estrias, certifique-se que podem ser usados por gestantes e peça recomendações ao seu médico.

Se ainda assim, mesmo com todos os cuidados, as malfadadas estrias aparecerem há tratamentos dermatológicos, feitos após o período de amamentação, que podem suavizar estas marcas. Consulte um dermatologista.
Beijos,
Rosane
Por Tah Favreto
Meninas, vou complementar o texto da Rosane com algumas dicas e informações que são muito importantes e todas vocês precisam saber.

Como ela comentou, não houve o aparecimento de estrias durante a gestação porque ela não tem tendência a desenvolvê-las (o histórico familiar conta muito). Infelizmente, não há cremes que previnem o problema nas mulheres que possuem essa tendência.
Óleo de Amêndoas previne o aparecimento de Estrias? 
MITO. 

A manifestação dessas lesões lineares depende de uma predisposição pessoal, por isso não adianta encher a pele de óleo e esperar que funcione. A recomendação dos Dermatologistas é hidratar intensamente a pele, inclusive com óleos, mas sempre deixando claro que esses produtos não servirão como prevenção nas mulheres que tendem a desenvolver estrias. Ou seja, a predisposição e o estiramento da pele formam uma combinação imbatível que não dá espaço para a prevenção.

Vamos conhecer o tratamento?

As estrias são irreversíveis, por isso os tratamentos servem apenas para amenizar a aparência delas. A maioria deles causa uma irritação na área afetada, o que estimula a produção de colágeno e melhora o aspecto das estrias.
Procedimentos Dermatológicos Recomendados: 
  • Tratamento com Ácidos: Sempre comento que os ácidos são os queridinhos dos Dermatologistas e melhoram a pele de uma forma tão global que são usados amplamente na Dermatologia. O Ácido Retinóico melhora visivelmente o aspecto das estrias, já que descama a pele e estimula a formação do colágeno. 
  • Peeling: Nada mais é do que o uso dos ácidos numa concentração maior para promover uma melhora mais acelerada da pele. A renovação cutânea que eles causam é essencial porque uniformiza a área afetada e também o seu redor. 
  • Laser: É um grande aliado para tratar a fase avermelhada das estrias. Ele promove um fechamento dos minúsculos vasos sanguíneos para diminuir o tamanho das lesões e, assim como os ácidos, incita a formação do colágeno para uniformizar a tonalidade da pele. Nas estrias que estão na fase esbranquiçada, o laser atua apenas na estimulação do colágeno. É um procedimento indolor e a quantidade de sessões deve ser determinada pelo seu Dermatologista. 
  • Microdermoabrasão: Esse método remove a camada de células ultraperiféricas e promove um lixamento que diminui a aparência das áreas afetadas. A reação é semelhante a dos ácidos, já que a esfoliação renova a superfície cutânea. 
Importante: Todas as opções de tratamento citadas acima devem ser orientadas por um médico Dermatologista vinculado à Sociedade Brasileira de Dermatologia. Só ele tem o conhecimento para proceder de forma adequada e personalizada, associando tratamentos e indicando os melhores métodos para a obtenção de um resultado satisfatório.

Dúvidas: http://twitter.com/TahFavreto

Beijinhos

11
Comentários via FaceBook

11 comentários:

  1. Eu tenho algumas estrias na lateral da perna, as minhas surgiram quando fiquei mocinha.
    Ótimo post, eu adorei a participação de todas vcs!

    ResponderExcluir
  2. oi ! achei esse post de utilidade pública!

    Bjokas

    http://coisasdethalitha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Daniela, nós só fazemos vendas em lojas autorizadas ou em nossas lojas próprias no ES, ainda não fazemos vendas on line! Muito obrigada pela visita e volte sempre.

    ResponderExcluir
  4. Adorei o post, ainda tenho esperanças que as minhas irão sumir de alguma forma com algum tratamento. Estou seguindo *-*

    http://meninadeacucar.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho 21 anos e com o perder de 22Kg fiquei com bastantes estrias...Já tentei um creme, mas não resultou. :(

    Beijos e bom fim de semana*

    ResponderExcluir
  6. Post maravilhoso,
    adoro dicas sobre tudo em relação a beleza!!
    parabéns
    bjos
    www.coisasdeladdy.com

    participe do sorteio Sigma Ale♥

    ResponderExcluir
  7. Me amarrota que eu to passada... sobre o óleo de amêndoas! rsrsrs
    Genteee!!! Fui enganada a vida todaaa!!! rsrsrs
    Se não fosse por você Tah morreria acreditando nesse óleo mentiroso! uhauahuha
    Amei esse post... super esclarecedor!!! Arrasou TJM!!!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  8. Amiga, amei esse post.... vc sempre carinhosa com as pessoas via e-mail, beijãooo

    ResponderExcluir
  9. Muito bom o post!!
    É bom saber mais sobre os tratamentos!!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. É verdade, o problema que depois que elas aparecem é dificil de sumir com elas, por isso é importante prevenir pra não acontecer ... Mas se acontecer, bom saber dos tratamentos disponíveis...
    bjksss

    ResponderExcluir
  11. ATENÇÃO: 
    Os comentários desse post sumiram com a instalação do novo sistema de comentários (DISQUS) estamos tentando importar os comentários antigos do blog de volta (de todos os posts anterior à data de 15/11/11).
    bjksss

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante!

P.S. Você pode adicionar o link do seu blog, desde que o comentário seja referente ao post e não propaganda particular.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...