Image Map

19 fevereiro 2013



Dermatologia: Sardas

Por Tássita Favreto


As sardas - ou efélides - são pequenas manchas arredondadas e sem relevo que normalmente aparecem logo na infância em regiões do corpo que são mais atingidas pela exposição solar, como o rosto, ombros, colo e costas.

Qual a causa das sardas?

É a Melanina - pigmento que da cor à pele - que causa as sardas. Há sim uma herança genética que contribui para o aparecimento desse tipo de mancha. As pessoas mais afetadas são as que têm a pele extremamente clara e são ruivas ou loiras.

Por que as sardas mudam de cor durante o ano?

Se você tem sardas e não usa protetor solar adequadamente no verão, provavelmente elas irão escurecer. Já no inverno, elas ficam mais clarinhas.

Quem tem sardas possui maior risco de desenvolver Câncer de Pele?

Sim, já que elas surgem em peles extremamente claras (fototipo I e II). O acompanhamento do médico Dermatologista é fundamental.

Tenho sardas e gostaria de tirá-las. Isso é possível?

Há diversas formas de amenizar a aparência das sardas e até fazer elas sumirem completamente. Se você não gosta das suas sardas, o primeiro passo é proteger a pele do sol com protetores solares indicados pelo seu Dermatologista. Para clareá-las por completo, o seu médico provavelmente irá indicar alguma das opções abaixo:

Cremes com Hidroquinona:

Já citei a Hidroquinona num post sobre manchas na pele. Quando se trata de clareamento com cremes, não há melhor escolha. O cuidado deve ser extremo e acompanhado pelo médico, já que a Hidroquinona pode despigmentar completamente as sardas e causar hipopigmentação com o uso contínuo (tornar as manchas castanhas em manchas brancas).

Ácidos:


Cremes com Ácidos ajudam a clarear as sardas (também já escrevi sobre eles no post sobre manchas). O Ácido Glicólico (presente no Diacnéal da Avène), por exemplo, é um dos aliados no clareamento da pele. Não é um tratamento feito em consultório e pode ser usado à noite com rigorosa orientação do médico Dermatologista.

Peelings:

Nada mais são do que substâncias (como os Ácidos) aplicadas topicamente em alta concentração nos consultórios. O resultado é imediato e a escolha do peeling adequado para cada paciente é feita pelo médico.

Luz Intensa Pulsada (LIP):


Sem dúvida, é um dos melhores tratamentos disponíveis e o mais indicado. Atinge diretamente a Melanina, destruindo-a e consequentemente clareando as sardas. Os efeitos colaterais são mínimos e o tratamento é extremamente seguro. Geralmente, são necessárias 4 sessões (cada uma com aproximadamente 20 minutos) feitas com intervalos de 1 mês.

Não gosto das minhas sardas, mas não quero tirá-las. Quais as opções?


A maquiagem é a melhor aliada nesse caso. Existem bases de alta cobertura, como a Dermablend da Vichy, que possuem uma alta concentração de pigmentos e escondem completamente as sardas.


Dei todas essas dicas para mostrar as opções que há nos consultórios, mas não posso deixar de dar a minha opinião: as sardas são um charme especial! Eu adoraria tê-las e não tiraria de jeito nenhum! =)



Beijinhos

8
Comentários via FaceBook

8 comentários:

  1. meu namorado é super branquinho e tem algumas sardas, eu acho a coisa mais linda, mais morro de medo!! rs ótimo post! bjus
    www.bytamysantos.com

    ResponderExcluir
  2. Ótimo post Tah!
    Mas tem vezes, que eu observo em algumas pessoas, e não acho que são um charme não! rsrsrs
    Beijosss

    ResponderExcluir
  3. Pois é, Li!
    Geralmente fica muito mais "charmoso" em quem tem olhos claros!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Oi Tah, adorei esse post e já estou encaminhando o link para a minha cumadre dá uma lida.

    Minha afilhada, de 5 aninhos, tem sardinhas no rosto e um pouquinho nos braços, na altura dos ombros. Eu acho a coisa mais fofa, mas claro que sempre gera a preocupação com o futuro, com os cuidados e tal. Já pedi para a minha cumadre levá-la ao dermatologista (inumeras vezes), e ela nunca leva. Quem sabe lendo seu post, eu tenha algum sucesso. Acho que se começar a proteger a pele desde cedinho, só vai trazer benefícios para o futuro da minha fofinha, não é verdade?
    Obrigada pelo post, vai me ajudar muito nessa - digamos - "batalha".
    Bjkas!

    ResponderExcluir
  5. Que bom que o post vai poder ajudar a sua afilhada de alguma forma, Bia!
    É muito importante sim tomar todos os cuidados essenciais. =)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Acho tão "bunitinho" uma ruiva com sardas... rsrs
    Nossa Tah, mas não imaginava que tivesse mais risco de ter câncer de pele.
    Bjkss

    ResponderExcluir
  7. Também acho!
    Pois é, Alê! Infelizmente o risco é maior.
    Beijinhos

    ResponderExcluir

Sua opinião é muito importante!

P.S. Você pode adicionar o link do seu blog, desde que o comentário seja referente ao post e não propaganda particular.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...